º,

Dólar: R$ 5.1787

Policial

Bragança teve 1,4 roubo ou furto de celular por dia em 2019


Publicado em 25/01/2020 22:00



Em média, 1,4 celular foi roubado ou furtado em Bragança por dia no ano passado. O levantamento foi feito pela GB com dados oficiais da SSP (Secretaria de Estado da Segurança Pública).
A boa notícia é que esse tipo de crime está em queda na cidade. Os roubos e furtos de celulares caíram em 2019, ao menos no período de janeiro a novembro. A SSP ainda não divulgou os dados de dezembro.
No geral, os dois tipos de crime somaram 491 ocorrências nos 11 meses do ano passado, ante 591 em igual período de 2018, ou seja, queda de 20,3%.
A redução segue tendência na queda dos crimes de roubo em geral em Bragança, que caiu 14% entre janeiro e novembro de 2019 (207 ocorrências) ante igual período de 2018 (236).
A análise dos casos envolvendo celulares - um dos objetos mais roubados e furtados em praticamente todas as cidades brasileiras, também há redução maior na prática dos roubos, quando o criminoso tira o celular da vítima mediante alguma violência. Nesse caso, foram 159 roubos em 2018 e 135 no ano passado, redução de 17,7%.
Os furtos, quando a vítima não percebe a subtração do aparelho, também apresentou redução no total de ocorrências, com queda de 21,3%, resultado de 356 registros no ano passado, ante 432 no mesmo período em 2018.
Locais - Nos dois períodos comparados não houve uma mudança significativa em relação aos locais onde os roubos e furtos foram mais praticados. Tanto em 2018, quanto no ano passado, a zona urbana da cidade concentrou a maioria das ocorrências. Essa região representou 68% do total.
Um ponto específico, no entanto, foi o Posto de Monta. Durante a Festa do Peão, em 2018, foram 104 furtos de celulares, número muito alto se levado em conta os dias de evento.
Rodovias e estradas vicinais também apareceram nas estatísticas como locais onde há incidência crescente.

 

Voltar