º,

Dólar: R$ 5.2229

GB Norte

Habitação: Bragança Paulista pode ter mais 2,5 mil moradias populares


Publicado em 18/10/2019 12:37


 

 

Bragança Paulista poderá receber mais 2,5 mil moradias populares da Secretaria de Estado da Habitação, segundo o deputado Edmir Chedid (DEM). A confirmação ocorreu nesta quinta-feira (16) durante reunião do parlamentar com o secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary, realizada na sede da Pasta, localizada na região central da capital paulista.

O parlamentar explicou que as unidades habitacionais poderão ser construídas no terreno que pertenceu à Indústria Austin, na área próxima à SP-008 (Rod. Cap. Bardoíno), que interliga Bragança Paulista a Socorro. Com aproximadamente 275 mil m², esta área poderá receber o maior e mais moderno conjunto habitacional da Região Bragantina, que contará inclusive com um parque linear.

“O terreno que pertenceu à Indústria Austin possui uma área de proteção ambiental. Por isso, a Secretaria de Estado da Habitação e a prefeitura de Bragança Paulista poderão optar pela construção de um parque linear neste local, que é maior no comprimento do que na largura. A iniciativa, bastante comum em grandes empreendimentos, une os espaços de lazer às áreas verdes”, afirmou.

A reunião também contou com a participação do presidente e do diretor técnico da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), Reinaldo Iapequino e Agnaldo Lopes Quintana Neto, respectivamente, e do secretário municipal de Habitação e Obras, André Monteiro. “Todos deverão se reunir nas próximas semanas a fim de garantir o andamento deste projeto”, garantiu.

Atividade
Edmir Chedid também destacou a liberação pela prefeitura de Bragança Paulista de uma área com 19 mil m² localizada na zona norte. Neste terreno, a Secretaria de Estado da Habitação e a CDHU poderão construir entre 60 e 120 moradias populares; a definição ocorrerá depois da realização de estudo técnico.

“Estas unidades habitacionais já tinham sido garantidas pelo então secretário de Estado da Habitação, Rodrigo Garcia (DEM) – atual vice-governador e secretário de Estado de Governo –, durante reuniões que participei em defesa de benefícios à Região Bragantina. A expectativa agora é que esse estudo técnico seja rapidamente concluído para o início das obras em Bragança Paulista”, finalizou.

Voltar