º,

Dólar: R$ 4.0476

Esportes

Coletiva de Bragantino e Red Bull repetiu o que a imprensa já sabia


Publicado em 23/04/2019 15:59



A tão aguardada coletiva com a imprensa esportiva desta terça-feira, entre os representantes do Bragantino (Marquinho Chedid) e do Red Bull (Thiago Scuro), sobre o detalhamento da parceria entre as duas agremiações não acrescentou nada de novo ao que já se sabia.
Falaram sobre o sonho de alcançar o Brasileiro da Série A e a Libertadores da América, que o time se chamará Bragantino até o final deste ano e que depois passa a ser RB Bragantino. Exibiram dois modelos de camisa que serão usadas este ano e que o elenco do Toro Loko, mais quatro jogadores do Braga e cinco novas contratações formam o elenco para a disputa da Série B do Brasileiro, que começa sexta-feira.
Tempo e deveres de cada clube na parceria, investimentos e outros pontos importantes não foram revelados.
Marquinho Chedid fez um discurso que classificou de emocionante, ao lembrar de Nabi Abi Chedid e repetiu o que já havia falado anteriormente.
O CEO da Red Bull também foi econômico em sua fala e usou do discurso padrão, de que quer respeitar a tradição que o Bragantino construiu no futebol brasileiro, e a expectativa é de construir uma nova história juntos, retomando, através do Bragantino, a glória do futebol do interior e as glórias que o Bragantino teve no passado.
Treinos serão em Jarinu (CT) do Red Bull e em Bragança, e os jogos no Nabizão.

Voltar