º,

Dólar: R$ 5.1787

Editorial

Salve 17 abril!


Publicado em 12/11/2018 19:34


Paulo Alberti Filho Para nós da Gazeta Bragantina, há 30 anos o dia 17 de Abril tem um significado especial por ser a data de criação do jornal. Este ano o significado extrapola a singularidade do aniversário de 30 anos por ser também uma data que marcará a história da democracia brasileira. Amanhã teremos dupla comemoração com a aprovação pela Câmara dos Deputados da proposta de aceitação do impeachment da presidente Dilma Roussef (PT) que desgraçou o Brasil e a vida de todos brasileiros. Iremos acompanhar como se fosse um jogo de final de copa do mundo e vibrar a cada voto favorável como se fosse um gol brasileiro. A democracia nos permite a livre manifestação do pensamento, a liberdade de expressão tão execrados pela ditadura petista, principalmente em Bragança cujo governo municipal é obcecado pelo lulismo/petista. A Gazeta Bragantina foi criada no apagar das luzes da ditadura militar em 1986. Nem naquela época o jornal sofreu tanta perseguição e descriminação de um governo municipal como ocorre hoje. A motivação é que o governo municipal atual do PT não suporta a verdade, não aceita o contraditório, não gosta do povo e nem de Bragança. Mentiu muito nas eleições de 2012, não cumpriu nada que prometeu em palanque e no seu plano de governo. O povo bragantino estava esperançoso pelo surgimento de uma nova liderança, de um governo dinâmico e moderno que melhorasse a cidade e a qualidade de vida do povo bragantino. Mais de 30 mil bragantinos acreditaram nas promessas do então candidato Fernão Dias (PT) e seus asseclas. Não demorou muito para mostrar a que veio. Sem preparo político, sem noção de administração pública, terceirizou setores fundamentais da Prefeitura e delegou para estranhos e incompetentes a gestão do município. O resultado está aí. Com a omissão e cumplicidade de 19 vereadores temos hoje uma Bragança dilapidada fisicamente, uma Prefeitura economicamente falida, cerca de 4.500 funcionários municipais desmotivados e desprezados pela administração, uma frota de veículos sucateada e os serviços essenciais ao povo como saúde e educação em estados lastimáveis. Em 30 anos de Gazeta Bragantina e 42 de profissão, jamais testemunhei uma cidade tão desgraçada como está a nossa querida Bragança Paulista. Comemoraremos amanhã 30 anos da GB. A comemoração é pela sobrevivência diante de tanta força e ações obscuras que vem fazendo o prefeito Fernão Dias (PT) e cia, nos últimos três anos, para destruir a GB e a cidade, da mesma forma como Lula e Dilma tentam calar a imprensa e destruir o Brasil. Comemoraremos também, com a Graça de Deus, o início do fim da corrupção patrocinada pela quadrilha de petralhas que destrói o Brasil. Salve 30 anos da GB! Salve Democracia! Salve Impeachment! Salve Brasil!

Voltar