º,

Dólar: R$ 4.1309

Eleições 2018

O dia das eleições está chegando. Em 07 de outubro estaremos exercitando o direito de votar. É o dia em que nós, como cidadãos, estaremos selando os rumos do país, do estado e também da cidade em que vivemos para os próximos quatro anos, com consequências futuras. Apesar das muitas discussões se concentrarem nos canditados a presidência, é bom lembrar que além do presidente da república nesse ano vamos eleger também governadores de estado e deputados estaduais, federais e senadores, que são aqueles que fazem as leis, boas ou ruins, liberam verbas para investimentos e fiscalizam, ou não, os atos do executivo. Portanto, nessa eleição serão seis (6) votos: presidente, governador, 2 senadores (com mandato de 8 anos), deputado federal e estadual. Em nossa democracia, onde o povo governa através de representantes, o voto é muito importante. Por isso, devemos exercer esse direito votando corretamente. Talvez você seja um daqueles que diz: meu voto não vale nada. Mas, ao contrário, seu voto vale muito. É interessante ver como poucos votos podem determinar aquele que ganha as eleições. Seu voto de maneira nenhuma é insignificante. Se queremos preservar a democracia devemos seguir as suas regras, e uma de suas regras é o voto. Por isso, não anule nem vote em branco. A escolha não é fácil! A indecisão nessa hora é até compreensível. Mas, depois de uma cuidadosa avaliação, atentando para alguns quesitos, ficará mais fácil escolher. Por isso, gostaria de dar algumas dicas para ajudá-lo na escolha dos candidatos. 1- Não troque seu voto por nada. Seu voto é poderoso, vale muito, é inegociável. Cuidado com propostas de emprego e vantagens. Se você votar com a motivação errada certamente sua consciência o acusará e todos poderão sofrer as consequências de seu erro. 2- Avalie cuidadosamente o caráter do candidato, sua história e envolvimento com a cidade, estado e país, suas realizações e propostas, seu partido e coligação. Pergunte: Quem está por de trás dele e de onde vem o dinheiro de sua campanha? 3- Não vote no candidato pela sua eloquência, beleza, charme ou simpatia. Vote de acordo com suas próprias convicções. A cidade, o estado e o país que desejamos, para nós e nossos filhos, depende de nossas escolhas. 4- Ore e peça a Deus sabedoria para votar. Como cristãos somos milhões de votos, com grande significado. Não negligenciemos isso! Oremos antes de votar. Peçamos a Deus sabedoria na escolha e votemos, na esperança de eleger homens e mulheres que pra¬ticarão a justiça, possuirão piedade e serão humildes diante de Deus. A Bíblia diz: “Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida” “Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos... os que se acham investidos de autoridade” – Epístola de Tiago 1:5 e 1ª Epístola de Paulo a Timóteo 2:1 e 2. A eleição será em 7 de outubro, até lá pense, avalie e ore para votar bem. Que Deus te abençoe em suas escolhas.

Voltar