º,

Dólar: R$ 4.147

Eleições

O dia das eleições está aí!... Domingo, dia 7, estaremos exercitando o direito de votar. É o dia em que nós estaremos selando os rumos do país, do estado e também da cidade em que vivemos para os próximos quatro anos, com consequências futuras. Muitos discutem sobre votar nesse ou naquele canditado à presidência, escolhendo entre o melhor ou o menos ruim, entre o ideal e o possível, mas é bom lembrar que além do presidente da república, nesse ano vamos eleger também o governador do estado, deputados estadual e federal, e também 2 senadores (com mandato de 8 anos). Aliás, são os deputados e senadores que fazem as leis que regem a nação, liberam verbas para investimentos e fiscalizam os atos do executivo. Em nossa democracia, onde o povo governa através de representantes, o voto é muito importante. Por isso, devemos exercer esse direito votando corretamente. Talvez você seja um daqueles que diz: meu voto não faz diferença. Mas, ao contrário, seu voto vale muito. É interessante ver como poucos votos podem determinar aquele que ganha as eleições. Seu voto de maneira nenhuma é insignificante. Se queremos preservar a democracia devemos seguir as suas regras, e uma de suas regras é o voto. A escolha não é fácil e alguns nessa hora preferem não votar, anular o voto ou votar em branco. Isso é tolice, pois num estado democrático como o nosso, o voto é mais que um privilégio é o direito de expressão e escolha. Também sei que o medo de votar e errar é humano, por isso alguns como “povo marcado em vida de gado” repetem o mesmo erro várias vezes. Isso é outra tolice. Como cristãos precisamos buscar na Bíblia a resposta aos nossos temores. E, a resposta é uma mensagem de esperança: “não temas”. Versículos com a expressão “não temas” aparecem por toda a Bíblia, como em Josué 1:9 “Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus é contigo, por onde quer que andares”. Por isso, sem temor e confiando em Deus nosso medo será removido. Assim, devemos votar entendendo que a vontade de Deus prevalecerá. As eleições serão domingo e se você ainda está indeciso não deixe para escolher seus candidatos na porta da sessão eleitoral. Assim, converse com amigos e avalie cuidadosamente o caráter do candidato, sua história e envolvimento com o país, com o estado, com a cidade, com as causas que você mesmo abraça. Avalie suas realizações e propostas, seu partido e coligação, quem está por de trás dele e de onde vem o dinheiro de sua campanha. Prepare uma “colinha” para não errar. A ordem de votação será: deputado federal, deputado estadual, 1º senador, 2º senador, governador e presidente. Acima de tudo ore e peça a Deus sabedoria para votar. A Bíblia diz: “Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá livremente, de boa vontade” – Epístola de Tiago 1:5. Como cristãos somos milhões de votos. Não negligenciemos isso! Peçamos a Deus sabedoria na escolha e votemos, na esperança de eleger homens e mulheres que praticarão a justiça, possuirão piedade e serão humildes diante de Deus.

Voltar